Milão

Roteiro de 5 dias em Milão

Deseja passar 5 dias em Milão? Então confira nosso roteiro de viagem para aproveitar o melhor dessa cidade italiana incrível! Confira: O que fazer em 1 dia em Milão? Para começar, uma dica que gostamos sempre de trazer em nossas matérias sobre roteiros de viagem é que você acorde bem cedo em seus dias de […]

Deseja passar 5 dias em Milão? Então confira nosso roteiro de viagem para aproveitar o melhor dessa cidade italiana incrível! Confira:

O que fazer em 1 dia em Milão?

Para começar, uma dica que gostamos sempre de trazer em nossas matérias sobre roteiros de viagem é que você acorde bem cedo em seus dias de viagem. Assim, você poderá conhecer vários pontos turísticos sem se preocupar tanto com o tempo!

Vista do Arco della Pace em Milão. Ele está ao fundo e há um bondinho elétrico à frente, mais próximo ao primeiro plano da imagem. A cidade está pouco movimentada e está ensolarado.

Para começar este passeio, que tal apreciar de perto uma das mais famosas pinturas em todo o mundo? A obra “A Última Ceia” de Leonardo da Vinci está exposta igreja Santa Maria delle Grazie e para ver a pintura é necessário pagar um ingresso à parte, mas você pode visitar a igreja anexa, que não contém a obra, de forma gratuita.

Obra "A última ceia" na Igreja Santa Maria delle Grazie em Milão.

Ela é belíssima! A construção é muito bonita, cheia de pinturas e detalhes em sua arquitetura. Contudo, recomendamos que você faça a sua reserva pela internet e com antecedência caso queira ver a obra de Leonardo da Vinci, pois os tickets para ela são muito concorridos.

Na hora do almoço, uma dica que damos é que você aproveite para almoçar em um delicioso restaurante na cidade! Aqui no Grupo Dicas nós já temos uma matéria exclusiva sobre os melhores restaurantes de Milão!

Em seguida, que tal conhecer o ponto turístico central e mais popular de toda a cidade? Com 30 minutos de caminhada, admirando também as ruas e construções dessa cidade romântica, você estará na famosíssima Piazza del Duomo!

Piazza Duomo em Milão. Com a Catedral de Milão e a Galeria Vittorio Emanuele I, o lugar está cheio de pessoas.

A Piazza Duomo, é considerada uma das principais praças de toda Itália e é por lá que acontecem os principais eventos da cidade. A praça abriga um Monumento Equestre de Vittorio Emanuele II e ao seu redor, há diversos restaurantes, lojas, bares e pessoas vendendo lembrancinhas para a viagem.

Além disso, a praça tem o ponto turístico que mais vemos nos cartões postais: a Catedral de Milão. Essa igreja é considerada uma das maiores igrejas do mundo além de ser antiquíssima, já que ela começou a ser construída em 1386! A arquitetura do lugar é encantadora e atrai milhões de turistas todos os anos.

Nossa dica é que você invista em fazer um tour pela Catedral de Milão e tirar muitas fotos para marcar sua viagem!

Vista da Catedral de Milão.



Perto dali, você pode aproveitar para conhecer também a popular Galeria Vittorio Emanuele II. Ela foi inaugurada em 1877 e une a praça Duomo à Praça Scala.

Sua arquitetura curiosa é formada pelo cruzamento de duas vias, que formam um octógono na parte central, com uma cúpula de ferro cobrindo tudo. Isso torna o lugar belíssimo e com várias opções de lojas de marcas de luxo, como Louis Vuitton e Prada, além de restaurantes para conhecer.

Interior da Galeria Vittorio Emanuele II em Milão.

Segundo dia em Milão

Neste segundo dia, recomendamos que você visite o imponente Castelo Sforzesco. Construído no século XV, este castelo é um dos monumentos mais importantes de toda a cidade de Milão. Ele já funcionou como uma casa e fortaleza, além de já ter sido demolido, reconstruído e restaurado.

Você pode escolher entre passear pelos jardins do castelo (gratuito) ou fechar um tour guiado pelo castelo e conhecer a fundo a história desse lugar, além de visitar os museus que existem dentro dessa estrutura.

Vista aérea do Castelo Sforzesco em Milão

Atrás do Castelo Sforzesco está o Parque Sempione, jardim do castelo que, no passado, era usado apenas pela família real. Este lugar é perfeito para quem deseja passear e relaxar entre um passeio e outro.

Por lá, você pode explorar o parque, conhecendo o Prédio Triennale e a Torre Branca, e o Arco della Pace, que foi construído no século XIX sob o comando de Napoleão Bonaparte.

Na hora do almoço, uma dica que damos é que você aproveite para almoçar em um delicioso restaurante na cidade! Na região onde está o castelo há alguns estabelecimentos próximos, mas se você quiser conferir algumas opções, nós temos uma matéria sobre os melhores restaurantes de Milão!

Vista do Parque Sempione na Itália durante o verão.

À tarde, uma boa opção de passeio é ir em direção a um dos museus mais importantes de toda Milão, a Pinacoteca de Brera. Fundado em 1776, o museu está localizado no Palácio de Brera e começou como espaço para reunir obras acadêmicas estudantis.

Contudo, com a chegada de Napoleão Bonaparte e dos franceses na Itália, o museu começou a abrigar diversas obras de arte de grandes artistas.

Terceiro dia em Milão

Para este terceiro dia na cidade, nossa dica é que você se dedique um pouco mais aos museus da cidade! Indicamos aqui dois lugares incríveis para conhecer em sua viagem, mas você pode conferir muitos outros museus de Milão nessa matéria!

O primeiro deles é a Pinacoteca Ambrosiana. Ela faz parte de um complexo que também inclui a Biblioteca Ambrosiana e ambas possuem esse nome em homenagem ao Santo Ambrósio, padroeiro da cidade.


  • Quer descobrir mais dicas para a sua viagem para Milão e toda a Itália? Confira mais conteúdos como este em nosso canal do YouTube!

O museu foi fundado em 1618 e desde então encanta pessoas de Milão e turistas de todo o mundo, abrigando obras de grandes artistas como Caravaggio, Leonardo da Vinci, Botticelli e Tiziano.

Aproveitando o passeio pelo museu, você pode conhecer também a Biblioteca Ambrosiana, que possui mais 35.000 manuscritos e mais de 750.00 volumes, sendo que uma das peças mais valiosas deste lugar é o Codex Atlánticus de Leonardo da Vinci, que apresenta, em mais de 1000 páginas, os principais inventos dessa grande personalidade italiana.

Interior da Pinacoteca Ambrosiana em Milão. Nota-se ao centro e mais ao fundo sete estátuas diferentes em um lugar à parte no museu. Perto do teto, acima das estátuas, está uma pintura de quatorze homens. Ainda, nas paredes ao redor, percebe-se que há quadros diversos.

Depois do almoço, você pode aproveitar para conhecer a Casa-Museu Boschi Di Stefano para apreciar as exposições artísticas 100% gratuitas do lugar. O museu era uma casa que foi moradia do casal Antonio Boschi e Marieda Di Stefano.

Aberta desde o ano de 2003 a Casa-Museu abriga uma incrível coleção de artes do século XX, com aproximadamente 300 obras. Entre elas, há pinturas e obras de Carrà, Boccioni e Sironi.

Sala com quadros pendurados na parede na Casa-Museu Boschi Di Stefano.

Em seguida, faça um trajeto de cerca de 20 minutos até o curioso Museo Nazionale della Scienza e della Tecnologia Leonardo da Vinci. Inaugurado em 1953, este museu começou a ser construído em 1947, onde ficava o Monastério de San Vittore, que havia sido destruído durante a Segunda Guerra Mundial.

Interior do Museu da Ciência e Tecnologia de Milão. Nota-se em evidência uma réplica de uma invenção de Leonardo da Vinci, semelhante a uma asa delta.

Sem dúvida o Museu da Ciência e da Tecnologia é muito importante para o mundo, pois lá se encontra uma área exclusivamente dedicada aos projetos de Leonardo da Vinci, com maquetes de madeira de suas principais invenções.

Para finalizar a noite, nossa dica é que você jante em um dos deliciosos restaurantes de Milão, ou visite um dos vários bares e pubs da cidade!

Quinto dia em Milão

Neste último de 5 dias de viagem, nossa dica é visitar o Estádio San Siro que pertence aos principais times do futebol italiano: o Inter de Milão e o Milan. Dentro desse lugar está o Museu Inter e Milão, que é dedicado à história dos dois times através de uma visita guiada. Se você quiser, dá para se planejar para assistir a algum jogo, ao mesmo tempo em que conhece o lugar.

Pela tarde, você pode aproveitar para fazer compras na cidade! Em Milão há uma diversidade de shoppings e outlets em que você pode comprar produtos diversos de qualidade e a bons preços. Confira nossa matéria com todos os detalhes sobre os lugares para comprar em Milão.

Vista do Estádio San Siro em Milão. O lugar está lotado e há jogadores em campo.

Para finalizar o dia, nada melhor do que finalizar esse roteiro descansando um pouco no Parque Giardini Pubblici di Porta Venezia, que é é considerado o primeiro parque público de Milão. Ele serviu no passado como entrada da família real da Áustria. Por lá, há áreas para as crianças brincarem, o Museu da História Natural, um Planetário e um parque de diversões!
Interior de uma loja de roupas no Outlet DMAGAZINE em Milão.

Quinto dia em Milão

Para começar este último dia de viagem, nós indicamos que você conheça o esplêndido Teatro Scala. Essa experiência é sem dúvida uma das melhores que você terá no seu passeio em Milão. Este lugar possui um estilo neoclássico em sua arquitetura, criando um clima especial para o público que vai assistir a um concerto ou espetáculo de ballet.

Uma dica que damos é que você conheça o museu do teatro numa visita guiada, que apresenta a história do lugar, além das curiosidades e outras informações preciosas.

Interior do Teatro Scala. Nota-se todas as cadeiras e detalhes em vermelho e dourado.

Pela tarde, você pode aproveitar para conhecer o Colonne di San Lorenzo, que é um dos monumentos mais antigos de toda a cidade. Este monumento nada mais são do que antigas colunas da época em que Milão era a capital de todo o Império Romano do Ocidente!

Basílica de San Lorenzo em Milão atrás das Colunas de San Lorenzo.

Vale a pena conhecer e se encantar por este pedaço da História ainda preservado. Por lá, há também uma basílica e uma praça com espaço aberto para descansar e apreciar o lugar. Se você ainda estiver com fôlego, e não tiver conseguido ir para um dos pontos turísticos citados acima, nossa dica é que você aproveite para conhcê-lo.

Nossa dica para adquirir ingressos para as atrações de Milão e toda Itália!

A melhor forma de comprar seus ingressos para essas e outras atrações do Milão, Itália e todo continente europeu é pela internet. Afinal, esse processo, quando feito com antecedência, te poupa tempo nas filas e permite que você encontre os menores preços.

Uma boa dica é o Site de Ingressos da Europa que nós gostamos muito e recomendamos aqui no blog. Para usá-lo é bem simples: comece acessando a página e escolhendo a cidade e o passeio desejado. A partir disso, selecione a quantia de ingressos que quer comprar e efetue o pagamento. Agora é só aguardar a confirmação no seu e-mail!

Os ingressos vêm sempre com o nome do titular do cartão usado na compra. Não precisa se preocupar quanto aos nomes de cada ingresso comprado, pois não é necessário colocar o de cada pessoa da família.

Ainda assim, é importante levar o cartão usado na compra e o documento do titular do cartão no dia e local da utilização do ingresso, apenas para o caso de você precisar de comprovar a compra.

Fachada da Catedral de Milão

Economize ao máximo na sua viagem a Milão:

  • Economizando: quer planejar sua viagem aproveitando melhor o seu orçamento? Não deixe de ler nossa matéria de como viajar barato para Milão, com todas as dicas para economizar ao máximo, sem deixar de aproveitar!
  • Ingressos: saiba onde comprar seus ingressos para os passeios de Milão da forma mais barata e segura.
  • Carro: esse é um item que facilita muito a viagem pela Itália e toda Europa. Se você estiver pensando em alugar um, não deixe de ler como alugar um carro em Milão. São dicas de como alugar o carro pelo menor preço possível.
  • Euros: conheça qual a melhor forma de levar seu dinheiro para Milão, com os prós e contras de cada opção. Existe uma nova forma que é muito mais barata!
  • Celular: quer usar o celular durante toda a viagem, sem preocupações? Já garanta um chip europeu, ainda no Brasil, clicando aqui. É fácil e barato!
  • Hospedagem: veja nossa matéria de onde ficar hospedado em Milão para saber qual é a melhor localização e como economizar muito no hotel.
  • Seguro viagem: o atendimento médico no exterior é caríssimo, e é super importante fazer um seguro viagem ao viajar. Veja aqui as dicas de como conseguir o melhor (e mais barato) seguro.
  • Transfer: precisa de um para ir do aeroporto ao hotel? Saiba aqui como reservar pelo menor preço!